principais composições.


Fases.

Nas crianças eu vejo o futuro, nos adultos um passado sem rumo
Nos jovens, a esperança de um novo mundo
É sempre assim, a cada geração
Novas palavras, lazer, aventura e diversão
Às vezes é melhor agir com uma espada na mão, do que com o coração
E lembranças e um espaço, defendemos o nosso espaço o tempo todo
E esse tempo tão precioso
Nos sentimos tão só
Desconhecemos a língua dos nossos avós.. É...
Eu tenho um algodão doce, tenho traumas de infância
Tenho tudo que eu quero, tenho tudo que eu não quero

Vamos ver a lua juntos; o frio que bate em nossas orelhas
Cada gota de orvalho, e cada estrela
Cometas, que fazem parte do meu ser
Um giz na mão, eu quero aprender

Uma ponta de esperança é o que eu preciso
Entenda crianças, vocês que já sabem de tudo
Jovens, vocês que procuram um sentido pra viver
Adultos, vocês que julgam tudo pela aparência
Olhe pra mim e veja que já perdi a inocência
Mas continuamos inocentes.

Dedos.

Se eu penso no meu passado: eu me perco, não me acho

O mundo é agora, o tempo é agora, a vida é agora...
Se quer mudar é a hora...
O mundo é agora, o tempo é agora, a vida é agora
Se quiser mudar é a hora...

Olhei pra trás, me vi confuso
Eu não sei mais qual é meu mundo
Alguma coisa aconteceu sem eu saber...
Agora eu to tão inspirado, pois o Universo esta do meu lado
Não preciso mais voltar a sofrer
Alguns amigos eu soprei no vento
Onde está todo esse sentimento, que eu tinha por vocês?

O mundo é agora, o tempo é agora, a vida é agora...
Se quer mudar é a hora
O mundo é agora, o tempo é agora, a vida é agora
Se quer mudar é a hora...

Os meus dedos estão sempre ali, com os pés que não saem do lugar
To quase sempre equivocado, como cadeados que não querem se fechar
Eu ainda sou um tanto mimado, mas to no chão, querendo me levantar...
Mas to no chão querendo me levantar... porque...

O mundo é agora, o tempo é agora, a vida é agora...
Se quer mudar é a hora
O mundo é agora, o tempo é agora, a vida é agora
Se quer mudar é a hora...

Café.

Café, preto quente e com companhia
Quente como o seu corpo
Quente como. a sua boca
Preto como seu cabelo natural

Café sozinho não tem graça
Café com alguém em qualquer praça
Te pago um café e você me "paga" um beijo
Não te vi sorrindo aquele dia

Um café amargo, como seu beijo amargo
Um café queimando a boca
Como queima a minha com a sua
Quero um café, como quero você
Vamos tomar um café?
Posso te pagar um café hoje?

Chuva.

Oh chuva, tu que viestes lá de cima
Que para poucos é bem vinda
Saiba que hoje vou te clamar
Para que tu sejas minha amiga
Tu és, a natureza mais antiga
E não canso de ver, como é forte o teu molhar

Tu és pura, transmite uma sensação gostosa
E mesmo nas escuras, és tão furiosa
E isso não precisas me provar

Furiosa, com seus raios e trovões
Mas eu te entendo, oh chuva, nessa noite de clarões

Você veio para iluminar minhas ideias
Tu és perfeita e eclética
E eu não me importo, que demores a passar

Oh chuva, tu que viestes lá de cima
Que quando vem é ativa
Será que esse catastrófico mundo
É motivo do seu chorar?
E o seu antigo sol
Que vem sempre a secar
Ruas, avenidas, meu lençol
Com seu raio ultravioleta, és um intenso farol
Também vem te levar
Para o seu mundo desconhecido
Lembrando a ti, que é seu marido
E juntos vão se amar.

Confiança.

Entrego a você o meu corpo
Você devolve ingratidão
Entrego a você meus segredos
Você devolve desconfiança e medo
Entrego a você minha história
Você pensa, e não sabe se devolve.

Hands.

If I think of my past
Can't find me, get lost

The world is right now
The time is now
The life is now
Wanna change know-how

The world is right now
The time is now
The life is now
Wanna change know-how

Looked back saw myself confused
To this world need to get used
Something simply happened out the blue

At this time I am very easy
Because Universe tries to please me
Suffering was all I knew to do

A couple friends I blew in the wind
Where is all this feeling that I had for you?

The world is right now
The time is now
The life is now
Wanna change know-how

The world is right now
The time is now
The life is now
Wanna change know-how
Wanna change know-how
Wanna change know-how.

Palavras.

Curtas e ditas
Bem vindas ou mal escritas
Não são apenas palavras

Palavras que saem ser permissão
Com meus sentimentos, vem e vão
Há novas promessas
Há um novo perdão

Palavras arrependidas
Faladas ou pensadas
Não são apenas palavras

Uma palavra que vaza
Sem chance de voltar
O que vale é minha palavra
Que na rua ou na cama não se apaga.

Placas e mistérios.

São tantos os mistérios
São tantas as ilusões
Essas placas me deixam cego
Muitas vezes sem a solução

Ao meu redor, eu vejo moscas e besouros
Mas eu quero ser o touro, quero ser o touro

Eu sempre estou sozinho quando eu nunca esto sozinho
Meu mundo é uma mentira, com verdades que eu mesmo crio

Muitas vezes o que eu falo, não é o que eu digo
Muitas vezes o que eu digo, não é o que eu quero falar
Eu já fui um vegetal, com todos querendo me regar.